EP 203: Parasita | 43ª Mostra de SP

[Os Hospedeiros de Bong Joon-Ho]

Finalmente chegou a hora de falar sobre um dos filmes mais celebrados e esperados do ano: Parasita (12:50), a Palma de Ouro de Bong Joon-ho, está prestes a estrear e vem sendo uma das sensações da Mostra de São Paulo. A Varanda antecipa a estreia trazendo o filme para debate.

Boletim do Oscar (2:07) traz os indicados ao Gothan e os principais filmes, hoje, na categoria Melhor Filme. Outra rodada de destaques da Mostra SP (42:20). No Puxadinho da Varanda (58:11) tem Meu Nome é Dolemite e Zumbilândia – Atire Duas Vezes. E o Cantinho do Ouvinte com os comentários dos ouvintes do episódio anterior. Bom podcast!

| Varandeiros |

Chico Fireman @filmesdochico

Cris Lumi @crislumi
Michel Simões @michelsimoes
Tiago Faria @superoito

| Cinema na Varanda nas redes sociais |

Facebook: facebook.com/cinemanavaranda
Twitter: @cinemanavaranda
Instagram: cinemanavaranda
e-mail: podcastcinemanavaranda@gmail.com

Gravado no sábado, 26 de outubro, na varanda do Michel.

6 comentários sobre “EP 203: Parasita | 43ª Mostra de SP

  1. Fala, donos da varanda! Como sempre um podcast excepcional sobre um dos melhores filmes do ano. Falando em Parasite, eu acabei esbarrando com uma notícia sobre um possível remake hollywoodiano do filme, e segundo especulações estava em processo de negociação. Agora tenho duas perguntas, caso o remake aconteça, quais seriam as expectativas de vocês sobre isso, e qual diretor norte-americano vocês gostariam de ver dirigindo esse remake de Parasite.

    No mais, um grande abraço!

    Curtir

  2. Quem são os verdadeiros “parasitas”: a família pobre que se aproveita da ingenuidade alheia pra melhorar de vida, ou a família rica que precisa de empregados para dirigir seus carros, educar seus filhos, e cozinhar suas refeições?

    Parasita já é um filme excelente desde o primeiro ato (divertidíssimo, por sinal), mas depois que “desce a escada”, se é que vcs me entendem, não perde o fôlego até o belíssimo final.

    Curtir

  3. Olá pessoal !
    Espero que o filme Parasita estreie na minha cidade, mas apesar de ser uma cidade grande, moro em Sorocaba, aqui só estreiam os blockbusters e dublados ainda.
    Falando nisso vcs não acham que atualmente o público anda extremamente preguiçoso para assistir filmes ? Preguiça de pensar e de ler. Prova disso é a nova ferramenta da Netflix, ainda em fase de testes, que permite assistir o conteúdo em uma velocidade maior. Diante de uma coisa dessas qual o objetivo de assistir a um filme ? Não entendo.
    Se puderem e se tiverem assistido gostaria que vocês comentassem algo sobre o filme Papicha, este sim por um milagre está em cartaz em Sorocaba numa única sala em um único horário.

    Abraços !

    Curtir

  4. Olá, pessoal da varanda!

    Meu nome é Matheus Sakita e é a primeira vez que comento aqui, apesar de já ouvir o podcast há pelo menos um ano. Queria agradecer demais a vocês por semanalmente aquecer meu coração cinéfilo com as discussões que vocês promovem, enriquecem demais a minha visão sobre cinema a cada episódio.

    Com esse comentário, queria agradecer especialmente a contribuição de vocês para que a minha Mostra de SP desse ano tenha sido a melhor de todas das quais já fui. Pela primeira vez pude me organizar para comprar a credencial e todas as dicas de vocês foram fundamentais para que eu aproveitasse da melhor maneira. Entrava cerca de 7 vezes por dia no Letterboxd do Chico e do Michel para acompanhar as atualizações e minha programação ia mudando constantemente a partir das avaliações de vocês. Foram 22 filmes vistos e muitos eu só descobri graças à Varanda! (https://boxd.it/45aVo)

    Além disso, durante a mostra tive o privilégio de estar em muitas sessões em que vocês também estavam: vi o Tiago em “Pertencer”, o Chico em “Sinônimos” e o Michel em várias (“Technoboss”, “Honeyland”, “Sinônimos”, “The Lighthouse” e ainda o vi na fila de “Marriage Story” com a Cris, quando saía da sessão anterior). Infelizmente, fui muito tímido para tietar vocês, apesar de ter tido muita vontade.

    A minha única interação com o Michel foi na sessão de “The Lighthouse“. Estava sentado na fileira da frente e meu amigo que trabalha na RT Features me apresentou à Paula Ferraz, com quem comentei que adoro quando ela participa do Cinema na Varanda. Ela logo gritou, “o Michel tá logo aí atrás de você!”. Obviamente eu já havia visto o Michel, e minha reação envergonhada foi virar e dizer “sou seu fã!”. No final do debate com o Robert Eggers e o Willem Dafoe estava determinado a chamar o Michel e agradecer pessoalmente pelo quanto o trabalho de vocês com o podcast me inspira e me ajudou nessa Mostra, mas quando virei para trás ele já havia ido embora. Fuen.

    Por isso, deixo aqui o meu muito obrigado! Parabéns por terem, na minha opinião, o melhor podcast sobre cinema do Brasil, o trabalho que vocês fazem é exemplar e precisamos muito desses debates no momento em que estamos vivendo. Cinema na Varanda é resistência. Um dia espero ter a oportunidade de trocar ideias com vocês ao vivo.

    Abraços!

    Ps: Todas as vezes que vi o Michel ele estava elegantérrimo de blaser. Muito chic, arrasou.

    Curtir

  5. Episódio com spoiler de Parasita. É um filme necessário.
    Ele precisa ser discutido, ter um canhão de luz voltado a ele.
    Lembro no episódio que falaram sobre os melhores filme do semestre que, em dado momento, falavam sobre o espaço de filmes menores/alternativos, os filmes médios. Parasita é esse filme, que surge de maneira bombástica na tela; cheio de cacetadas. E essas cacetadas merecem ser discutidas com spoiler na Varanda. 🙂

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s