Episódio 33: Caçadores da Bilheteria Perdida

Nos anos 70, ele ajudou a criar a ideia de blockbuster. Nos 80, ditou o gosto popular. Hoje, o apelo de Steven Spielberg não é o mesmo daquela época, mas o diretor vem levando a sério a intenção de não se repetir. Em tom de conto de fadas, O Bom Gigante Amigo foi produzido pela Disney, exibido no Festival de Cannes e desdenhado pelo público. O autor de ET – O Extraterrestre e Tubarão perdeu o encanto? No episódio da semana (marcado por uma sentida ausência de Chico Fireman), os varandeiros Michel Simões e Tiago Faria recebem o convidado especial Gustavo Joseph para falar sobre o filme e eleger os melhores e piores momentos do cineasta.

Na segunda parte do programa, um salto da fantasia ao realismo tremido do diretor inglês Paul Greengrass. O tema é Jason Bourne, novo episódio da franquia de espionagem com Matt Damon no papel de um agente secreto (ainda) desmemoriado. Mais: Cantinho do Ouvinte, #FalaCris e, nas recomendações, as séries Wallander, The Girlfriend Experience e um filme curioso em cartaz. Bom podcast!

METAVARANDA (média das notas do trio para os novos filmes em discussão)

O Bom Gigante Amigo | The BFG | Steven Spielberg | 48
Jason Bourne | Paul Greengrass | 40

FILMES E SÉRIES CITADOS NA EDIÇÃO

Cantinho do Ouvinte

Um Dia Perfeito | Fernando Leon de Aranoa
Segunda-Feira ao Sol | Fernando Leon de Aranoa

Steven Spielberg

O Homem que Copiava | Jorge Furtado
Poltergeist – O Fenômeno | Tobe Hooper
De Volta para o Futuro | Robert Zemeckis
Os Goonies | Richard Donner
Suspiria | Dario Argento
Alice no País das Maravilhas | Tim Burton
Beleza Americana | Sam Mendes
Nos Bastidores da Notícia | James L. Brooks
A Origem | Christopher Nolan
Interestelar | Christopher Nolan
Batman – O Cavaleiro das Trevas | Christopher Nolan
Dawson’s Creek (série) | Kevin Williamson
Firelight | Steven Spielberg
Encurralado | Steven Spielberg
Louca Escapada | Steven Spielberg
Tubarão | Steven Spielberg
1941 – Uma Guerra Muito Louca | Steven Spielberg
Os Caçadores da Arca Perdida | Steven Spielberg
Indiana Jones e o Templo da Perdição | Steven Spielberg
A Cor Púrpura | Steven Spielberg
Império do Sol | Steven Spielberg
Além da Eternidade | Steven Spielberg
Hook – A Volta do Capitão Gancho | Steven Spielberg
Jurassic Park – Parque dos Dinossauros | Steven Spielberg
A Lista de Schindler | Steven Spielberg
O Mundo Perdido: Jurassic Park | Steven Spielberg
Amistad | Steven Spielberg
A.I. – Inteligência Artificial | Steven Spielberg
Prenda-me se for Capaz | Steven Spielberg
Minority Report: A Nova Lei | Steven Spielberg
O Terminal | Steven Spielberg
Munique | Steven Spielberg
Guerra dos Mundos | Steven Spielberg
Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal | Steven Spielberg
As Aventuras de Tintim | Steven Spielberg
Cavalo de Guerra | Steven Spielberg
Lincoln | Steven Spielberg
Ponte dos Espiões | Steven Spielberg

Jason Bourne

O Discurso do Rei | Tom Hooper
Mad Max: Estrada da Fúria | George Miller
O Grande Chefe | Lars von Trier
Capitão Phillips | Paul Greengrass
Zona Verde | Paul Greengrass
O Ultimato Bourne | Paul Greengrass
A Supermacia Bourne | Paul Greengrass
A Identidade Bourne | Doug Liman
Voo United 93 | Paul Greengrass
Domingo Sangrento | Paul Greengrass

Recomendações

Wallander (série)
Os Homens que Não Amavam as Mulheres | David Fincher
Nahid: Amor e Liberdade | Ida Panahandeh
The Girlfriend Experience (série) | Lodge Kerrigan e Amy Seimetz

Gravado na segunda-feira, 1 de agosto, na varanda do Michel.

Anúncios

12 comentários sobre “Episódio 33: Caçadores da Bilheteria Perdida

  1. Eu nem queria deixar o primeiro comentário porque já estou me achando muito intrometida, mas se não comentar agora vou esquecer.
    Para quem mora no Rio eu tenho uma recomendação: a Mostra “Cage é Jóia”, no Cine Jóia (quem é que gosta do Nicolas Cage aí mesmo?? rsrs). As chamadas estão muito engraçadas.
    E adorei conhecer os bastidores do Episódio 1. Ri muito. Que situação!
    Espero que o Chico esteja bem na semana que vem.

    Curtir

  2. Olá, varandeiros.
    Ainda não vi BFG, mas achei bem interessante o comentário que fizeram sobre ser um filme de conversas. Nesse sentido, me parece bem coerente com os dois últimos filmes do Spielberg, Lincoln e Ponte dos Espiões (gosto muito de ambos), que falam justamente da palavra como arma (política, no caso).

    Abraços e melhoras pro Chico.
    Wallace

    Curtir

  3. Em que pesem os paralelos com John Ford, George Lucas e Kubrick, acho que faltou mencionar o que me parece a maior influência do Spielberg, que é o David Lean. E, nesse sentido, ninguém falou também do meu filme favorito do diretor, Império do Sol, uma clara homenagem ao inglês e talvez seu filme mais bonito visualmente.
    É isso, continuem com o bom trabalho.

    Curtir

  4. Felipe, foi um dos primeiros filmes do Spielberg que vi. Eu tinha uns 10 anos, fui praticamente jogado na sala de cinema e não entendi quase nada. Depois revi e gostei muito. Sim, faltou a referência ao Lean. Falaremos sobre isso na próxima edição, ok? Obrigado pelo comentário. Abraço! Tiago.

    Curtir

  5. Felipe e Tiago, eu tb gosto bastante de Império do Sol, acho a primeira metade do filme espetacular, mas acredito que ele perde um pouco quando se fixa no campo de prisioneiros. Nós conversamos sobre o David Lean antes de gravar o episódio, ele certamente foi uma grande inspiração para o Spielberg, que chegou a convidá-lo para dirigir um episódio de Amazing Stories. Abs!

    Curtir

  6. Olá,
    ouvindo sobre Steven Spielberg, não pude deixar de fazer paralelos com Martin Scorsese:
    – são da geração dos anos 60/70, e estão em atividade até hoje;
    – são consagrados, mas tiveram seus altos e baixos;
    – durante um tempo, foram os diretores “por que não tem Oscar ?”;
    Na minha opinião, Martin Scorsese está envelhecendo melhor, e fico mais ansioso para o próximo filme dele que do Steven Spielberg. Torço para que Scorsese faça filmes com mais frequencia, e para que Spielberg faça com menos frequencia. O que vocês acham, faz sentido ?
    Outra pergunta: eu evito não terminar um filme, por pior que ele seja, vou até o final. E vocês, já pararam de ver algum filme no meio, seja no cinema, em casa, etc. ? Se sim, se lembram de qual filme, e onde estavam vendo?
    Obrigado pelo podcast. Abraços !

    Curtir

    1. Oi Eduardo, só lembro de ter saído do cinema no meio de um filme uma única vez, mas por uma boa causa, era um tal de “Wes Craven presents Drácula 2000” . E olha que eu sou resistente e aguentei até Transformers 2 até o fim, mas aquele não deu rs. Já em casa eu costumo parar mais no meio, principalmente quando estou revendo, filmes novos geralmente vão até o fim.
      Sobre os diretores, acho o Scorsese um diretor ainda melhor que Spielberg, que já considero incrível, e acho que ele mantem uma boa regularidade entre seus filmes, nunca ficou mais de 3 ou 4 anos sem lançar nada, para nossa sorte.
      Abs!!
      Gustavo

      Curtir

  7. Pessoal, confesso que nunca tinha me interessado por podcasts antes, mas depois que os descobri os acompanho religiosamente toda semana. Gosto muito das participações do Gustavo, e como o sigo no twitter há anos, sei que ele também gosta do meu filme favorito (Halloween de 1978). Acho o trabalho do John Carpenter brilhante na composição de uma atmosfera única que, após tantos anos e mesmo com todo o desgaste que o gênero slasher sofreu, ainda coloca o filme no patamar dos grandes filmes de terror. Seria pedir muito um episódio dedicado ao filme, com a participação do mordomo?

    Abs, Guilherme

    Curtir

  8. Oi Guilherme, valeu pelos elogios, fiquei feliz! Eu concordo com tudo que vc escreveu sobre o Halloween do John Carpenter, ele vai muito além do slasher, tb é um dos meus preferidos, e tenho certeza que ele vai ser bem comentado quando rolar o episódio sobre franquias de terror. Nos vemos pelo twitter enquanto isso, me avisa por lá! Abs Gustavo

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s